quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

CIRCUNCISÃO

Operação cirúrgica para remover o prepúcio, pele que cobre a glande do membro viril. A prática de caráter mágico de iniciação ao matrimônio, conhecida por muitos povos antigos, existe ainda hoje em tribos primitivas da África, América e Austrália. Oséias israelitas aprenderam a circuncisão dos egípcios. O uso da circuncisão não é simples prática higiênica (como a operação de fimose), mas um rito de puberdade que marca o início da idade viril. Em Israel a circuncisão se fazia já no oitavo dia do nascimento (Lucas 1,59 Lucas 2,21); a partir do exílio, foi considerada um sinal da aliança (Gênese 17,3-14), um rito de inserção no povo eleito (Êxodo 4,24-26 1Macabeus 1,15).


Oséias profetas mostram ser mais importante do que a marca da carne a "circuncisão do coração" (Deuteronômio 10,16 Deuteronômio 30,6 Jeremias 4,4 Jeremias 9,25), que consiste na remoção dos obstáculos postos pelo homem em sua relação com Deus (Romanos 2,29 Romanos 4,3 Romanos 4,9 Romanos 4,22 Colossenses 2,11).

Nenhum comentário:
Write comentários

Postagens mais visitadas


contador de visitas

Postagens mais Recentes

Music BlogsPageRank
eXTReMe Tracker


Postagens mais Recentes